Conselhos para perder peso caminhando

Talvez você está lendo essa matéria agora sentada em uma cadeira ou até em um sofá, há muitas razões pelas quais as pessoas começam a correr: estresse , aumento de energia ou dificuldades com a esteira ao lado de uma paixão de ginástica de longa data são apenas algumas delas. Além disso, a corrida pode manter seu coração saudável, melhorar seu humor, prevenir doenças e ajudar na perda de peso. Mas dependendo de seus objetivos pessoais, ir a toda velocidade não é o único caminho para uma boa saúde.

Pegue o tênis e caminhe ou corra!

Embora a caminhada possa fornecer muitos dos mesmos benefícios de saúde associados à corrida, um corpo crescente de pesquisas sugere que correr pode ser melhor para a perda de peso. Talvez sem surpresa, as pessoas gastam 2,5 vezes mais energia correndo do que andando, seja na pista ou na esteira.Tradução: Para uma pessoa de 160 libras, correr 8 mph queimaria mais de 800 calorias por hora em comparação com cerca de 300 calorias caminhando a 3,5 mph.
E quando quantidades iguais de energia foram gastas (ou seja, os caminhantes passaram mais tempo se exercitando), um estudo descobriu que os corredores ainda perdem mais peso.Neste estudo, os corredores não só começaram com pesos menores do que os caminhantes; eles também tinham uma chance melhor de manter o IMC e a circunferência da cintura.


Além disso, a corrida pode regular melhor os hormônios do apetite do que caminhar. Em outro estudo, depois de correr ou caminhar, os participantes foram convidados para um buffet, onde os caminhantes consumiam cerca de 50 calorias a mais do que tinham queimado e os corredores comeram quase 200 calorias a menos do que queimaram. Os pesquisadores acreditam que isso pode ter a ver com o aumento dos níveis dos peptídeos YY, que podem suprimir o apetite.
Mas, além da perda de peso, a caminhada tem vantagens definitivas.Os pesquisadores analisaram dados do National Runners ‘Health Study e do National Walkers’ Health Study e descobriram que pessoas que gastaram a mesma quantidade de calorias tiveram muitos dos mesmos benefícios para a saúde. Independentemente de estar andando ou correndo, os indivíduos tiveram um risco reduzido de hipertensão, colesterol alto, diabetes e melhor saúde cardiovascular melhorada.
E a corrida tem desvantagens: coloca mais pressão sobre o corpo e aumenta o risco de lesões como joelho de corredor, estirpes de isquiotibiais e rachaduras nas canelas (que afligem até os corredores mais consistentes )

Seu plano de ação
Quando a corrida não está nas cartas, caminhar com peso extra pode ser sua próxima melhor aposta para um treino eficaz. Pesquisas mostram que caminhar na esteira usando um colete de peso pode aumentar os custos metabólicos e a intensidade relativa do exercício.Da mesma forma, aumentando a inclinação na esteira faz um treino de caminhada mais eficaz. Um estudo mostrou que caminhar a uma velocidade lenta (1,7 mph) em uma esteira em uma inclinação de seis graus pode ser uma estratégia eficaz de controle de peso para indivíduos obesos e ajudar a reduzir o risco de lesões nas articulações das extremidades inferiores.E pegar o ritmo quase sempre ajuda. Um estudo descobriu que os caminhantes de velocidade tinham um risco diminuído de mortalidade em relação aos seus homólogos mais lentos.
Não importa o ritmo se sente bem, ouvir o seu corpo e completando um aquecimento adequado e resfriamento são todas as formas de prevenir lesões. Dessa forma, você pode passar mais tempo correndo na esteira e menos tempo correndo para o médico.

O Takeaway
Cardio regular (a qualquer velocidade) faz parte de um estilo de vida saudável. Mas, colo por colo, queima queima cerca de 2,5 vezes mais calorias do que andar. Correr também pode ajudar a controlar o apetite, para que os corredores possam perder mais peso do que os caminhantes, não importa o quão longe os caminhantes estejam. Ainda assim, correr não é para todos, e ir a toda velocidade pode aumentar o risco de lesões. Adicionar pesos ou inclinação pode ajudar a aumentar a intensidade, mantendo um ritmo mais lento.

Veja algumas dicas para você
Essa dica você já deve estar cansada de ver, sempre beba água antes, durante e depois de uma prática do exercício. Manter o corpo hidratado faz parte dos cuidados essenciais para o bem-estar, opte por roupas confortáveis e leves. Escolha um tênis que seja indicado para caminhada, que não seja alto, por exemplo. Evite horários mais quentes, com forte exposição solar, como das 11h às 16h. Caminhar na parte da manhã pode trazer disposição para o seu dia, alongar o corpo antes e depois da prática do exercício previne as caimbras, e ajudam a ativar  circulação.

Pratique os seus exercícios em jejum, seja qual for a sua opção de atividade física. Dê preferência às frutas, tome um suco ou, até mesmo, barrinhas de cereais! Quando perceber que seu corpo já se acostumou em uma determinada velocidade, tente aumentar, progredir um pouco no exercício, intensificar o passo ou arriscar-se em uma ladeira.

Ao praticar seus exercícios, lembre-se para frente, essa é a direção que se anda na vida! Tanta gente foca em corridas, musculação e as atividades de alta intensidade de física, que esquece que simples e naturais ações do dia a dia também fazem enorme diferença em nossa saúde e qualidade de vida. Fazer uma caminhada, por exemplo, é dos mais eficazes métodos para deixar o corpo forte, o organismo regulado e a mente em paz. Basta disposição e e um acompanhamento profissional prévio para algumas indicações básicas e essenciais.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Kefir: como esse probiótico vai te ajudar emagrecer e mudar todo o seu organismo

Mulher fica presa em catraca e precisa esperar ônibus terminar o trajeto: “Me senti um lixo”