in

7 receitas de energético natural para recarregar as energias durante o dia

Saiba que existem diversas razões para a fadiga. Se seus níveis de energia não melhorarem, com ou sem uma mudança em sua melhora de alimentação ou exercícios, você deve consultar seu profissional médico.

E vale ressaltar que se você descartar as condições médicas para sua fadiga, a primeira coisa que deve observar é a quantidade de horas de sono que você dorme diariamente.

Podemos dizer que se você acordar depois de três a quatro horas de sono e espera fazer exercícios físicos intensos pela manhã, vai ser bem difícil. Certifique-se sempre de descansar bastante quando estiver em um plano de exercícios estruturado.

Agora o próximo fator a ser observado é o horário de suas refeições e lanches em relação ao seu  exercício físico. Saiba que se já se passaram mais de quatro horas desde que você comeu, mesmo uma banana anterior pode não ser de excelência.

Uma boa dica é que você pode precisar experimentar os horários de suas refeições e lanches, aproximando-os do horário de treino, talvez por cerca de 60 a 7 minutos antes do seu treino.

Carboidratos

Saiba ainda que os carboidratos complexos (carboidratos) geralmente são uma escolha melhor, e as proteínas também podem ajudar (veja as sugestões de sucos abaixo).

Curiosamente, carboidratos e proteínas complexos podem não apenas ajudar com energia, mas também podem acelerar o tempo de recuperação pós-treino.

Algumas pesquisas mostram que comer carboidratos e proteínas após o treino, mas dentro de 30 minutos após o término do treino, ajuda a acelerar o tempo de recuperação ao repor os estoques de glicogênio e possivelmente aumentar a síntese de proteínas em nosso corpo.

Está precisando se recompor, e não quer consumir diariamente energéticos industriados; preparamos algumas receitas naturais maravilhosas para seu consumo.

Cenoura

Saiba que as cenouras contêm altos níveis de beta-caroteno – que é um antioxidante que pode ajudar a oxigenar o sangue, o cérebro e os tecidos do nosso corpo. Para a receita você precisará de 1 cenoura e 200 ml de água, para um copo de suco.

Nozes ou amêndoas

Nesta receita você deve juntar uma maçã fresca (sem semente), uma banana, uma colher (sopa) de trigo, arroz ou farelo de aveia e cerca de oito a 10 amêndoas. Leve ao liquidificador adicionando água para obter o sabor e a consistência desejados.

Beterraba

Saiba que o suco de beterraba é uma das fontes dietéticas mais ricas de antioxidantes e nitratos que podem melhorar a pressão arterial e o fluxo sanguíneo por todo o corpo, incluindo cérebro, coração, músculos e muito mais.

Folhas verdes

A clorofila, que é o pigmento verde das plantas, ajuda a oxigenar o sangue, aumentando a função cerebral e a grande energia física. Neste suco você pode usar, couve, espinafre, hortelã, etc…

Romã

Este suco é rico em açúcar e calorias, mas oferece uma dose abundante de antioxidantes. Essas substâncias parecem proteger a função cerebral e podem prevenir até mesmo o câncer. Você vai precisar de apenas um romã inteira e mesmo que o suco seja um pouco azedo evite adicionar açúcar.

Laranja

O suco de laranja fornece mais energia e ainda hidrata: Podemos dizer que pela quantidade de açúcar e em carboidratos contida, a fruta é uma boa fornecedora mais energia para nosso corpo. Uma boa dica é tomar o o suco natural de laranja ao acordar. Mas não acrescente açúcar.

Uva

O suco de uva natural contém antioxidantes potentes – flavonóides e resveratrol. Vale ressaltar que a chave é que o vinho e o suco são feitos com a uva inteira – sementes, casca e tudo.

5 receitas saudáveis de batidos de abacate

Professora indica treino para mulheres acima de 40 anos que dá pra fazer em casa